Membrana plasmática – O que é? Função, Importância e Exercícios Resolvidos!

As células são as responsáveis por basicamente tudo que ocorre nos organismos. Dentro delas, há uma série de reações químicas, sínteses, apoptose, e muitas outras ações. Quando agrupadas, formam tecidos, órgãos e sistemas.

Mas, o que é responsável por delimitar cada uma dessas microestruturas? A resposta é a membrana plasmática! A seguir no Gestão Educacional, conheça toda a estrutura dessa membrana celular, do que ela é formada, quais as suas funções e sua importância. Ao final, realize exercícios para testar os seus conhecimentos!

O que é a membrana plasmática?

Membrana plasmática

A membrana plasmática é a estrutura mais externa da célula, que tem a função de limitá-la e, ao mesmo tempo, protegê-la.

Ela contém de 7 a 10 nanômetros de espessura, e, por esse motivo, só pode ser vista em microscópio eletrônico. Também, é composta por duas camadas de fosfolipídios, que estão organizadas estrategicamente:

  • Porção hidrofílica: como o nome sugere, é a parte que possui afinidade pela água, e localiza-se na porção externa;
  • Porção hidrofóbica: as porções das duas camadas se encontram no interior da membrana, e “repelem” a água.

A partir dessa composição, será possível entender as funções e a importância da membrana plasmática. Além disso, podem existir outras “microestruturas” incrustadas ou fazendo parte dela, que são:

  • Poros: geralmente envolvidos no transito de íons e moléculas.
  • Receptores: podem ser hormonais ou moléculas sinalizadoras, que serão essenciais para o controle das funções da célula.
  • Proteínas: podem ser do tipo integrais, periféricas ou transmembrana.

[VEJA TAMBÉM: CÉLULA VEGETAL – O QUE É?]

Função da membrana plasmática

Membrana plasmática2A membrana plasmática é uma porção da célula que tem como principal função delimitar a unidade funcional. Além disso, depois de conhecer os elementos presentes nela, pode-se dizer que tem papel essencial no controle das funções internas.

Portanto, a membrana plasmática pode ser entendida como a grande “general” que decide quem pode entrar e quem deve sair da célula.

Importância da membrana plasmática

Todas as funções e todos os componentes da membrana plasmática possuem uma importância comum, que é a de manter o equilíbrio intracelular. Isso é possibilitado pela sua bicamada fosfolipídica e pela presença de proteínas poros, receptores e muito mais.

Existem outros processos envolvidos na entrada e saída de substâncias, como:

  • Difusão facilitada;
  • Osmose;
  • Difusão passiva;
  • Difusão ativa.

[VEJA TAMBÉM: CÉLULA ANIMAL – O QUE É?]

Agora que você já sabe um pouco mais a respeito da membrana plasmática, que tal testar os seus conhecimentos nos exercícios que preparamos para você? Basta rolar até o final da página e se divertir! Ah, e não deixe de compartilhar com os seus amigos, desafiando eles também.

Nicole Alessi

Sou Nicole Alessi, tenho 20 anos, estou cursando o 4º ano de medicina nas Faculdades Pequeno Príncipe e sou apaixonada pelo que faço! Nas horas vagas, gosto de transformar em palavras todo o conhecimento que adquiro na graduação, com o intuito de promover a educação em saúde e, consequentemente, gerar bem-estar e qualidade de vida!

Conheça Mais Sobre o Autor

Teste seus conhecimentos sobre Membrana plasmática – O que é? Função, Importância e Exercícios Resolvidos!

1) (Adaptada PUCRJ-2007) Em relação aos envoltórios celulares, podemos afirmar que:

  • a) todas as células dos seres vivos têm parede celular.
  • b) somente as células vegetais têm membrana celular.
  • c) somente as células animais têm parede celular.
  • d) todas as células dos seres vivos têm membrana celular.

2) (Adaptado UFC-2002) Que processo, provavelmente, estaria ocorrendo em grande extensão, em células cuja membrana celular apresentasse microvilosidades?

  • a) Detoxificação de drogas.
  • b) Absorção.
  • c) Secreção de esteroides.
  • d) Catabolismo.

3) (Adaptado USU-RJ) Na mucosa intestinal, as células apresentam  grande capacidade de absorção, devido à presença de:

  • a) Desmossomas.
  • b) Vesículas fagocitárias.
  • c) Microvilosidades.
  • d) Flagelos.

4) (Adaptado VEST-RIO-92) Os seres vivos, exceto os vírus, apresentam estrutura celular. Entretanto, não há nada que corresponda a uma célula típica, pois, tanto os organismos unicelulares como as células dos vários tecidos dos pluricelulares são muito diferentes entre si. Apesar dessa enorme variedade, todas as células vivas apresentam o seguinte componente:

  • a) Retículo endoplasmático.
  • b) Membrana plasmática.
  • c) Aparelho de Golgi.
  • d) Mitocôndria.

Deixe seu Comentário

WebGo Content