Deuses vikings – Quem foram? Importância e os Principais deuses

Os vikings eram povos medievais que invadiram, exploraram e colonizaram terras na Europa e no Atlântico Norte, num período que vai do século VIII até o XI. Eram guerreiros e cultuavam deuses da mitologia nórdica.

A fé, inclusive, é algo importante na cultura dos vikings. Seus deuses eram idolatrados e recebiam sacríficos humanos como forma de agradecimento ou para solicitar que algo se realizasse.

Existem vários deuses vikings e eles são divididos em dois grupos: aesir, que abriga guerreiros, e vanir, que contempla aqueles que se associam à natureza e feitiçaria.

[LEIA TAMBÉM: VIKINGS COMO ERAM?]

Curiosamente, essas entidades são diferentes do Deus cristão, por exemplo, porque se casavam, traíam e eram simples mortais. Por isso, o culto a esses deuses sofreu ataque de cristãos da época.

Mas, quais seriam esses deuses? A lista é extensa, por isso, selecionamos alguns que se destacaram e eram citados com frequência pelos vikings. Conheça, aqui no Gestão Educacional, quais são eles!

Principais deuses vikings

Odin

É o chefe do grupo aesir, portanto, era líder dos guerreiros. Além disso, os vikings consideravam Odin o Deuses vikings Odincriador do universo. Esse deus era superpoderoso e tinha a habilidade da vidência.

Diz a lenda que Odin teria somente um olho, o outro foi dado para que pudesse conhecer o passado e prever o futuro, com a possibilidade de alterar o destino dos vikings.

Embora fosse um deus da guerra, os vikings pediam qualquer ajuda a Odin, desde mais chuva nas plantações até mais força em batalhas travadas durante a conquista de novos territórios.

Um detalhe importante sobre esse deus é que ele era o responsável por receber em Valhala (reino pós-morte dos vikings) guerreiros que faleciam como heróis em combates.

Thor

Deuses vikings ThorThor figura entre os deuses mais amados pelos vikings. Era filho de Odin, portanto, também pertencia ao clã aesir e era um guerreiro. A diferença é que Thor tinha como finalidade defender demais divindades de quaisquer ameaças que sofressem. Por isso, ele era muito poderoso.

Graças a Thor, as forças maléficas não conseguiam se sobressair e o fim do mundo (que muitos vikings acreditavam) não chegava. A inimiga mais famosa do deus era a serpente Jormungand, sendo uma das que mais travou batalhas com ele.

O deus Thor tinha como símbolo de força um martelo que somente ele conseguia empunhar. Tal símbolo era constantemente utilizado pelos vikings como um amuleto, sobretudo durante os combates, para garantir melhor desempenho e evitar derrotas.

LokiDeuses vikings Loki

Loki era considerado um deus que só atraía problema. Tornou-se conhecido porque virou irmão de Odin num ritual em que se cortaram e misturaram seus sangues, criando laços fortes, como os de irmãos de nascença.

Além disso, Loki era mal e desenvolveu esse sentimento com mais força em seu ser depois de comer o coração de Angerboda, uma gigante. Após esse episódio, formou três monstros: Hel (deusa da morte), Fenrir (lobo) e Jormungand (serpente que é a adversária mais conhecida de Thor).

Balder

Deuses vikings BalderBalder era filho de Odin e irmão de Thor. Seu diferencial estava no fato de ele ser puro, belo e amar a todos. Só era odiado por um deus, Loki, que lhe invejava por ser querido e não gerar contradições.

Foi justamente Loki que matou Balder: criou um concurso de arremessos contra o belo deus e ludibriou Hoder (irmão cego de Balder) a acertar uma flecha no coração de seu inimigo.

Frigg

Frigg era uma das mulheres de Odin, com o qual mantinha um relacionamento aberto. Curiosamente, ficou conhecida como a deusa que Deuses vikings Friggprotegia mulheres e casamentos.

Chegou a ter três filhos com Odin, os já citados Balder e Hoder, além de Hermod. Também cuidava de seus enteados (Bragi, Thor, Tyr, Vali e Vidar), com quem desenvolveu laços fortes.

Freya

Deuses vikings FreyaFreya pertencia ao clã vanir, portanto, era uma feiticeira. Sua fama está em ser sensual e ludibriar facilmente os deuses, que caíam em seus encantos. Alguns a consideram uma espécie de Afrodite da mitologia nórdica.

A deusa Freya era mãe das valquírias, que foram servas de Odin, responsáveis por encontrar guerreiros mortos em batalhas e encaminhá-los ao deus para a entrada em Valhala.

Sif

Foi mulher de Thor, mãe de Thrud e Ullr (de pai desconhecido). Sif tinha cabelos loiros longos e, por isso, era Deuses vikings Siffrequentemente associada aos campos de trigo. Loki cortou suas madeixas e foi obrigado a substituí-las por outras de ouro feitas por duendes.

Gostou? Então, descubra mais no conteúdo sobre os guerreiros vikings!

 

Rafaela Cortes

Jornalista formada pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR). Revoltada por natureza, vê na comunicação uma oportunidade de extravasar a sua paixão por curiosidades, arte e conhecimento.

Conheça Mais Sobre o Autor

Deixe seu Comentário

WebGo Content