• Gramática

    A gramática é conhecida como o estudo das normativas do português que indicam a forma padrão de registro da língua do nosso país. Ela estabelece regras quanto a nossa escrita e sua palavra advém do grego grámma, que quer dizer “letra”.

    Essa parte do português é dividida entre quatro tipos: normativa, descritiva, histórica e comparativa. Isso sem contar tantas outras subdivisões que existem em nosso idioma.

    Quer saber mais sobre gramática e obter informações completas no assunto? Veja conteúdos explicativos escritos por professores e especialistas no assunto.

  • Pronome – O que é? Tipos de pronomes com exemplos e exercícios!

    Pronome é a palavra que se usa para substituir o nome do objeto ou da pessoa já indicados anteriormente em uma frase. Toda expressão que tem o papel de retomar o sujeito da sentença é considerada um pronome. Portanto, as frases com palavras como ele, ela, que, neste e tantas outras podem ser consideradas pronominais. […]

    VEJA +
  • Vocativo – O que é? Tipos, Exemplos e Exercícios com gabarito

    Na língua portuguesa, o vocativo é um termo com o qual nos dirigimos ao nosso interlocutor, invocando-o, chamando-o ou nomeando-o. Ele é considerado um termo acessório da oração, ou seja, ele não é essencial, tanto é que nem é considerado propriamente parte da oração, embora ajude na compreensão do significado dela. Se você deseja saber […]

    VEJA +
  • Orações coordenadas – O que são? Classificações e Exemplos de uso

    Ao estudarmos o período composto, descobrimos a presença de dois tipos de orações: orações subordinadas e orações coordenadas. Neste artigo completo do Gestão Educacional, veremos o que são orações coordenadas, qual a relação delas com o período composto, como as orações coordenadas se relacionam entre si, além de como elas são classificadas. O período e […]

    VEJA +
  • Orações Subordinadas Adjetivas – O que é? Exemplos e Exercícios

    As orações subordinadas adjetivas são aquelas que, anexando-se ou justapondo-se, através de um pronome relativo, a um substantivo (nome ou pronome), chamado “antecedente”, funcionam como adjuntos adnominais. As orações subordinadas podem ser do tipo restritivo, quando delimitam o sentido do substantivo ao qual se conectam, sendo, nesse caso, indispensáveis para a oração, ou do tipo […]

    VEJA +
  • Regência Verbal – O que é? Tipos, Exemplos e Exercícios com gabarito

    A regência nada mais é do que a função que determinados termos, chamados regentes, desempenham sobre outros termos, chamados regidos. As palavras de uma oração não estão todas isoladas, pelo contrário: estão relacionadas, unidas; são interdependentes umas das outras. É a partir da regência que a oração é estruturada. Os termos secundário (regidos) vão se […]

    VEJA +
  • Estilística – O que é? Tipos e exemplos

    A estilística é um ramo da linguística responsável por estudar a utilização da linguagem como forma de expressão e apelo ao interlocutor. Há vários eixos de estudo da estilística, como: estilística fônica, sintática e da palavra. Neste artigo completo do Gestão Educacional, veremos o que é e como é dividida a Estilística. Confira! O que […]

    VEJA +
  • Os erros de português mais comuns e como não cometê-los

    Confira neste artigo do Gestão Educacional um pouco a respeito do que se considera erro na língua portuguesa. Além disso, veja alguns dos desvios mais comuns da norma-padrão, com vários exemplos! Erro ou desvio? O que muitos chamam de “erro” não é nada mais que um simples desvio daquilo que é aceito como o “correto”. […]

    VEJA +
  • Eufemismo – O que é? Significado, Exemplos e como usar

    O termo “eufemismo” vem do grego “euphémein”, junção do prefixo “eu”, que significa “bom” ou “agradável”, com o termo “pheme”, que significa “palavra”. O sentido geral, portanto, é “pronunciar palavras agradáveis”. Na língua portuguesa, eufemismo é uma figura de linguagem. Ela consiste basicamente na utilização de palavras agradáveis no lugar de palavras desagradáveis, tristes, molestas […]

    VEJA +
WebGo Content