Locução adjetiva – O que é? Formação, Exemplos e Exercícios

Quando dois ou mais termos desempenham, juntos, a função sintática de um adjetivo, damos a essa junção o nome “locução adjetiva”. Pode parecer algo abstrato e pouco usual, mas não se engane: as locuções adjetivas estão muito presentes na nossa fala e escrita.

Neste artigo do Gestão Educacional, trataremos justamente das locuções adjetivas, vendo desde o que é um adjetivo e o que é uma locução até como elas são formadas. Confira!

O que é um adjetivo?

Antes de entender o que é uma locução adjetiva, é preciso compreender o que é um adjetivo e que função ele desempenha nas orações.

O adjetivo é uma classe de palavra caracterizada por modificar o significado do substantivo. Confira a comparação:

(1) Criança;

(2) Criança esperta;

(3) Criança agitada;

(4) Criança brincalhona.

Perceba que, com exceção de (1), todos os outros exemplos contam com um termo, sublinhado, que está acrescentando alguma informação ao substantivo “criança”, indicando uma qualidade (ou um defeito, se considerarmos “agitado” como tal). Esses termos, que modificam o substantivo, são chamados “adjetivos”.

Ao se relacionar com o substantivo, o adjetivo pode indicar uma qualidade ou um defeito (“mulher inteligente”), um modo de ser (“jovem humilde”), o aspecto ou aparência de alguma coisa (“céu nublado”) ou o estado de alguma coisa (“carro amassado”).

Há, ainda, os chamados adjetivos de relação, responsáveis por indicar noções de tempo, espaço, finalidade, propriedade, procedência etc., por exemplo:

(5) Encontro semanal.

Em que “semanal” desempenha função adjetiva, modificando o sentido de “encontro”, indicando, nesse caso, a frequência temporal em que o encontro acontece.

Convém menciona, ainda, que os adjetivos recebem o gênero e o número do substantivo aos quais se relacionam. Ou seja, caso o substantivo seja feminino e esteja no plural (“bonecas”), o adjetivo terá as mesmas flexões (“bonecas antigas”).

O que é uma locução?

Entendido o que é um adjetivo, vejamos, agora, o que é uma locução.

Diz-se que há uma “locução” quando ocorre uma união entre duas ou mais palavras que, juntas, exercem uma mesma função sintática. Veja o exemplo:

(6) Com exceção de Alexandre, todos adoraram a aula.

(7) O jovem não conseguiu de forma alguma suportar aquilo.

Em (6), a expressão sublinhada desempenha, na oração, papel de preposição. Trata-se, portanto, de uma locução prepositiva.

Já em (7), a expressão sublinhada desempenha papel de advérbio, modificando o sentido de “não conseguir”. Trata-se, portanto, de uma locução adverbial.

Podemos concluir, com isso, que o papel desempenhado pela expressão dá nome à locução: se desempenhar papel de verbo, tem-se uma locução verbal; se papel de interjeição, tem-se uma locução interjetiva, e assim por diante.

O que é uma locução adjetiva?

Estando claro o que são adjetivos e o que são locuções, é fácil entender o que é uma locução adjetiva.

Ocorre uma “locução adjetiva” quando dois ou mais termos desempenham, na oração, papel de adjetivo, modificando o sentido de um substantivo. Veja o exemplo:

(8) Michelle foi uma criança sem coragem. Hoje, é uma moça bastante corajosa!

Neste exemplo (8), perceba que foi empregada a locução adjetiva “sem coragem”, formada por dois termos que, juntos, desempenham função adjetiva. Essa locução poderia ser simplesmente substituída pelo adjetivo “medrosa”, sem afetar o sentido dela.

Confira mais alguns exemplos de locuções adjetivas:

(9) O carro empinou as rodas da frente por alguns segundos (rodas da frente = rodas dianteiras).

(10) O cavaleiro empunhava um escudo de bronze (de bronze = brônzeo).

(11) Este meu sonho de criança jamais será realizado… (de criança = pueril).

(12) Achei sua ideia sem pé nem cabeça! (sem pé nem cabeça = absurda).

(13) As praias de Pernambuco são maravilhosas! (de Pernambuco = pernambucanas)

Vale observar, porém, que nem toda locução adjetiva pode ser substituída por um adjetivo equivalente. Um exemplo é:

(14) Joana recebeu os convidados na sala de estar.

Formação da locução adjetiva

Por via de regra, as locuções adjetivas são formadas por:

a) PREPOSIÇÃO + SUBSTANTIVO

I. Barco a vela;

II. Rapaz sem escrúpulos;

III. Cabeça de gado;

IV. Crianças com uniformes.

b) PREPOSIÇÃO + ADVÉRBIO

I. Jornal de ontem;

II. Pão da manhã;

III. Porta de trás.

Exemplos de locuções adjetivas

Confira, abaixo, uma lista com alguns exemplos de locuções adjetivas, seguidas de adjetivos independentes que possuem o mesmo significado:

  • De abelha – apícola;
  • De alma – anímico;
  • De aluno – discente;
  • De anjo – angelical;
  • De ano – anual;
  • De aranha – aracnídeo;
  • De astro – sideral;
  • De boca – bucal/oral;
  • De boi – bovino;
  • De bronze – brônzeo/êneo;
  • De cabeça – cefálico;
  • De cabelo – capilar;
  • De campo – campestre/rural;
  • De cão – canino;
  • De cavalo – cavalar/equino/equídeo/hípico;
  • De chumbo – plúmbeo;
  • De chuva – pluvial;
  • De cidade – urbano;
  • De circo – circense;
  • De criança – pueril/infantil;
  • De decoração – decorativo;
  • De dia – diário;
  • De diamante – diamantino/adamantino;
  • De escola – escolar;
  • De estrela – estelar;
  • De éter – etéreo;
  • De fábrica – fabril;
  • De faraó – faraônico;
  • De farinha – farináceo;
  • De fera – ferino;
  • De ferro – férreo;
  • De fogo – ígneo;
  • De frente – frontal;
  • De gado – pecuário;
  • De galinha – galináceo;
  • De garganta – gutural;
  • De gato – felino;
  • De gelo – glacial;
  • De governo – governamental;
  • De guerra – bélico;
  • De hoje – hodierno;
  • De homem – viril/humano;
  • De idade – etário;
  • De ilha – insular;
  • De inverno – hibernal/invernal;
  • De irmão – fraterno;
  • De leão – leonino;
  • De leite – lácteo/láctico;
  • De lua – lunar;
  • De mãe – materno;
  • De manhã – matinal;
  • De mar – marítimo;
  • De marfim – ebúrneo/ebóreo;
  • De mês – mensal;
  • De monstro – monstruoso;
  • De morte – mortal;
  • De mundo – mundial;
  • De nariz – nasal;
  • De neve – níveo;
  • De noite – noturno;
  • De olhos – ocular;
  • De orelha – auricular;
  • De osso – ósseo;
  • De ouro – áureo;
  • De pai – paterno;
  • De paixão – passional;
  • De páscoa – pascal;
  • De pedra – pétreo;
  • De porco – suíno/porcino;
  • De prata – argênteo;
  • De professor – docente;
  • De rei – real;
  • De rio – fluvial;
  • De sangue – sanguíneo;
  • De sol – solar;
  • De tecido – têxtil;
  • De terra – telúrico/terrestre/terreno;
  • De trás – traseiro;
  • De vento – eólico;
  • De víbora – viperino;
  • De vidro – vítreo/hialino;
  • De voz – vocal.

Orações subordinadas adjetivas

Para fins de diferenciação entre locução adjetiva e orações subordinadas adjetivas, trataremos destas, bem brevemente.

É possível, também, usar orações inteiras com valor adjetivo. Esses tipos de orações têm caráter subordinativo, ou seja, são subordinadas a uma oração principal, e obrigatoriamente precisam ter um verbo (uma vez que orações são caracterizadas justamente pela presença de um verbo).

Veja um exemplo de oração subordinada adjetiva:

(15) Marcelo, que havia faltado muito na aula, reprovou de ano.

Perceba que, neste exemplo (15), todo o trecho sublinhado tem valor adjetivo, modificando o substantivo próprio “Marcelo”. Convém mencionar, ainda, que o trecho possui verbo, nesse caso, uma locução verbal (“havia faltado”), o que a caracteriza como uma oração independente.

Há uma série de pormenores relacionados às orações subordinadas adjetivas, tais como a classificação delas em oração subordinada adjetiva explicativa ou restritiva, a diferença entre a forma desenvolvida e a reduzida, envolvendo o uso do pronome relativo “que”, dentre outros, mas não trataremos delas a fundo neste artigo.

Alexandre Garcia Peres

Alexandre Garcia Peres, formado em Letras pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), gosta de arte, literatura, língua portuguesa, poesia e do seu gato.

Conheça Mais Sobre o Autor

Teste seus conhecimentos sobre Locução adjetiva – O que é? Formação, Exemplos e Exercícios

1) (Adaptado UPM) Aponte a alternativa incorreta quanto à correspondência entre a locução adjetiva e o adjetivo:

  • a) glacial (de gelo); ósseo (de osso).
  • b) fraternal (de irmão); argênteo (de prato).
  • c) farináceo (de farinha); pétreo (de pedra).
  • d) viperino (de vespa); ocular (de olho).

Deixe seu Comentário

WebGo Content