Cerrado: o que é? Vegetação, animais e relevo

O cerrado é as savanas brasileiras, localizadas em Minas Gerais, Mato Grosso, Bahia, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rondônia, São Paulo, Tocantins e Goiás, cobrindo cerca de 197 milhões de hectares em todo o território brasileiro.

Ele é o segundo maior bioma do país, perdendo lugar apenas para a floresta Amazônica. Quer saber mais? Leia, aqui no Gestão Educacional, informações completas sobre esse bioma.

Vegetação típica do cerrado

Cerrado: o que é? Vegetação, animais e relevo

O cerrado é marcado por arbustos com galhos retorcidos, árvores baixas e clima bem dividido entre a estação chuvosa e seca. O solo local é muito profundo e possui poucos nutrientes, por isso a flora é formada de vegetação de folhas grandes e duras – em algumas espécies, existem depósitos subterrâneos de água, como uma reserva para as queimadas constantes, ajudando a retornarem à vida depois dos incêndios.

As raízes costumam ser profundas, com cerca de 20 metros de distância necessária do lençol freático até a superfície local. Esse bioma é muito afetado pelas queimadas constantes, além da produção bovina e de soja local, que destroem cada vez mais o cerrado brasileiro, atacando a sua preservação.

O Cerrado pode ser dividido entre:

  • Cerradão;
  • Cerrado campestre;
  • Cerrado rupestre;
  • Cerrado típico;
  • Campo cerrado;
  • Campo limpo de cerrado;
  • Cerrado de matas;
  • Cerrado de várzeas;
  • Cerrado veredas.

Flora e Fauna do Cerrado

Cerrado: o que é? Vegetação, animais e relevo

Há estudos que designam o cerrado brasileiro como a biodiversidade mais rica do planeta, isso porque possui mais de 10 mil espécies vegetais, mais de 800 aves e cerca de 160 mamíferos.

Alguns dos animais encontrados nesse ecossistema são:

  • Jiboia;
  • Ema;
  • Urubu;
  • Arara;
  • Tucano;
  • Papagaio;
  • Tatu-canastra;
  • Anta;
  • Ariranha;
  • Gambá;
  • Cervo;
  • Preá;
  • Lobo-guará;
  • Lontra;
  • Tamanduá-bandeira;
  • Cachorro-do-mato;
  • Macaco-prego;
  • Quati;
  • Queixada;
  • Porco-espinho.

É importante destacar que vários desses animais estão em extinção, principalmente pelo desmatamento e pela caça ilegal. Assim como uma grande diversidade de animais, ainda é possível encontrar grande quantidade de espécies de plantas e flores locais, como:

  • Babaçu;
  • Mangaba;
  • Gueroba;
  • Jatobá;
  • Cajuzinho-do-cerrado;
  • Pau-santo;
  • Gabiroba;
  • Araçá;
  • Sucupira;
  • Pau-terra;
  • Catuaba;
  • Indaiá;
  • Capim-flecha.

Clima do cerrado

Cerrado: o que é? Vegetação, animais e relevo

O clima local é tropical sazonal, em que as temperaturas médias são de 25°, porém podem atingir a marca dos 40°, durante a primavera, enquanto podem diminuir até 10º (ou menos) no inverno.

Dezembro e janeiro são considerados os meses mais chuvosos, inclusive, existem os períodos chamados de veranicos, entre a primavera e o verão, caracterizados por secas rápidas. O clima local não costuma ter muito vento, somente em agosto, com algumas ventanias, com pequenos redemoinhos.

Relevo

O cerrado possui pontos de maior altitude em Goiás, onde o pico mais alto é na Serra dos Pirineus, com 1.385 metros de altitude. A Chapada dos Veadeiros também merece destaque, com 1.250 metros, também por ser um ponto turístico muito visitado.


Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply