Dígrafo – O que é? Diferença de encontro consonantal e Exercícios Resolvidos

Nas aulas de português, você provavelmente já deve ter ouvido falar de encontros consonantais e encontros vocálicos. Mas, você saberia dizer o que é um dígrafo e que relação ele tem com os dois encontros citados?

Tire essas e outras dúvidas relacionadas aos dígrafos aqui, no Gestão Educacional!

O que é dígrafo?

Dígrafo

Chama-se dígrafo o encontro de duas letras que simbolizam, na verdade, apenas um som. Um exemplo é -rr- na palavra “carro”, representando apenas um som: o fone [r].

São mais comuns dígrafos com consoante, os chamados dígrafos consonantais. Entretanto, também podem ocorrer com vogais, recebendo o nome de dígrafos vocálicos, como veremos mais adiante.

[VEJA TAMBÉM: O QUE É HIATO?]

Dígrafo e encontro consonantal/vocálico são a mesma coisa?

A resposta é não. Dígrafo, como vimos, é a representação de um mesmo som com duas letras, podendo essas letras serem iguais (rr) ou não (ch). Na escrita, o som é representado com duas letras, mas ambas correspondem a um único som.

encontros consonantais ocorrem quando duas consoantes ficam lado a lado numa mesma palavra, como em carta, mas cada consoante representa um som diferente. O mesmo vale para os encontros vocálicos, diferenciando-se apenas por se tratarem de encontro de vogais.

A diferença, portanto, é clara, e não se deve tratar dígrafos e encontros consonantais/vocálicos como se fossem a mesma coisa.

[VEJA TAMBÉM: O QUE É DITONGO?]

Quais são os dígrafos da língua portuguesa?

Os dígrafos da língua portuguesa são os seguintes:

  • CH, que representa o som palatal ʃ – Achar [aʃ’ar];
  • LH, que representa o som lateral λ – Lhama [λ’ãmə];
  • NH, que representa a nasal palatal ɲ – Apanhar [ɐpɐɲˈaɾ];
  • RR, que representa o som r (também representando o r pronunciado no início de palavras, como rato [ʀˈatu]) – Terra [tˈɛʀɐ];
  • SS, que representa o som s (também representando o s pronunciado no início de palavras, como salada [sɐlˈadɐ]) – Assar [ɐsˈaɾ];
  • GU, que representa o som oclusivo que se transcreve g (também usado para o som g em palavras como gato [ɡˈatu]) antes de a, o ou u – Guerra [ɡˈɛxɐ];
  • QU, que representa o som oclusivo transcrito como k antes de a, o ou u – Quilo [kˈilu];
  • SC, e XC, que, em algumas regiões, podem ser representados como c ou ç, como florescer -> “florecer”, desça -> “deça”, exceder -> “eceder”;
  • AM, AN, EM, EN, IM, IN, OM, ON, UM, UN, cujas consoantes representam as vogais nasais (sendo chamados dígrafos vocálicos) – Campo [cãpo], ponto [põto].

[VEJA TAMBÉM: O QUE É TRITONGO?]

Alexandre Garcia Peres

Alexandre Garcia Peres, formado em Letras pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), gosta de arte, literatura, língua portuguesa, poesia e do seu gato.

Conheça Mais Sobre o Autor

Teste seus conhecimentos sobre Dígrafo – O que é? Diferença de encontro consonantal e Exercícios Resolvidos

1) Assinale a alternativa em que todas as palavras listadas possuem dígrafos:

  • a) Flecha, claro, prorrogação, assunto.
  • b) Tampo, qualquer, presunto, cachaça.
  • c) Quermesse, assimétrico, crescer, barro.
  • d) Velho, bicho, limbo, excesso, ruflar.

Deixe seu Comentário

WebGo Content