DNA e RNA – O que são? Composição, Funções, Característias e Exercícios

A Biologia abrange, entre muitas áreas, a Genética e a Biologia Molecular que estudam a expressão das nossas características e a transmissão delas para as gerações seguintes, englobando também os conhecimentos de Química.

As moléculas mais importantes para os estudos da Genética e da Biologia Molecular são conhecidas como DNA e RNA.

Essas moléculas são chamadas de ácidos nucleicos e são essenciais para a compreensão da vida na terra, pois os genes (nossas características) compõem o DNA, que por sua vez dita as proteínas que expressarão tais características.

O que são DNA e RNA?

Os ácidos nucleicos são fundamentais para a propagação da vida. São eles que armazenam e transmitem as informações genéticas contidas nos organismos.  

DNA é a sigla para o ácido dexorribonucleico, no qual fica contido a informação genética dos seres vivos. Já RNA é a sigla para o ácido ribonucleico, que também armazena informações genéticas dos vírus.

O DNA e o RNA participam dos processos de:

  • Duplicação do DNA: duplica o material genético para a divisão celular;
  • Transcrição: formação de RNA;
  • Tradução: formação de proteínas. 

Composição

Os ácidos nucleicos são constituídos por vários nucleotídeos. Os nucleotídeos, por sua vez, são formados por uma base nitrogenada, um grupo fosfato e uma pentose (açúcar).

A diferença na constituição entre o DNA e o RNA está na pentose – que no DNA é uma desoxirribose e no RNA é uma ribose – e nas bases nitrogenadas, onde a timina do DNA é substituída pela uracila no RNA.

Os nucleotídeos se ligam uns aos outros por uma ligação fosfodiéster entre o 5’fosfato com o grupo 3’OH. Por isso se diz que o sentido da vida é 5’3’, ou seja, é o sentido da ligação dos nucleotídeos que formam os ácidos nucleicos.

DNA

Como mencionamos acima, DNA significa ácido desoxirribonucleico. É uma molécula grande formada por duas fitas compostas pelos nucleotídeos, que se enrolam em formato de hélice e são complementares.

O DNA é encontrado tanto no núcleo como nas organelas cloroplastos e mitocôndrias em organismos eucariontes.

A estrutura desta molécula foi desvendada pelos cientistas James Watson e Francis Crick. Seu formato helicoidal é importante para que sirva como molde para a replicação durante a divisão celular.

Os nucleotídeos do DNA são compostos por um açúcar, um grupo fosfato e uma base nitrogenada, que pode ser adenina, citosina, guanina ou timina, e que são complementares, como no esquema abaixo:

  • Adenina ↔ Timina;
  • Citosina ↔ Guanina.

A principal função do DNA é transmitir as informações genéticas dos organismos parentais para a próxima geração, contendo características como cor dos olhos, cor da pele, dos cabelos, doenças e por aí vai.

RNA

Apesar da grande importância da transmissão de características genéticas estar associada ao DNA, o RNA é fundamental para o processamento das proteínas que expressarão as características, num processo chamado de síntese proteica, que corresponde às etapas de tradução e transcrição.

O RNA é uma molécula intermediária, composta por apenas uma cadeia (cadeia simples) de nucleotídeos.  Assim como o DNA, o RNA é composto por um açúcar, um grupo fosfato e uma base nitrogenada, que pode ser adenina, citosina, guanina ou uracila, e que são complementares, como no esquema abaixo:

  • Adenina ↔ Uracila*;
  • Citosina ↔ Guanina.

*Note que no lugar na timina do DNA, o RNA é constituído pela uracila.

Existem três tipos de RNA com funções específicas e que atuam no processo de síntese proteica.

  • RNAr (RNA ribossômico): parte da constituição dos ribossomos, organela que participa no processo de síntese de proteínas;
  • RNAm (RNA mensageiro): é responsável por transportar informações genéticas do DNA nuclear para o citoplasma e atuar na síntese proteica, que contém as informações sobre a sequência de aminoácidos para a formação das proteínas;
  • RNAt (RNA transportador): transporta os aminoácidos que participarão da síntese proteica. Ele leva os aminoácidos até os ribossomos, que irão uni-los na sequência prevista pelo RNAm para a formação das proteínas.

Bruna Manuele Campos

Bacharel e Licenciada em Ciências Biológicas pela USP (2016 e 2018), tem 25 anos e é apaixonada pela natureza e por explorar o mundo. Quando não está se aventurando por aí, gosta de aquietar as pernas com livros e séries.

Conheça Mais Sobre o Autor

Teste seus conhecimentos sobre DNA e RNA – O que são? Composição, Funções, Característias e Exercícios

1) (Adaptado CES/JF-MG) Sobre ácidos nucleicos, assinale a alternativa incorreta:

  • a) O DNA existe obrigatoriamente em todos as células.
  • b) O DNA existe em quase todos os seres vivos com exceção de alguns vírus.
  • c) Nos procariontes, o DNA está espalhado no citoplasma.
  • d) Nos eucariontes, o DNA está limitado ao núcleo.

Deixe seu Comentário

WebGo Content