O que estuda a Biologia? Atuação, Curso e Mercado de Trabalho

O termo Biologia foi descrito há aproximadamente 200 anos por Jean-Baptiste Lamarck, que foi um dos primeiros cientistas a utilizá-lo. Foi por volta do mesmo período que surgiram os métodos científicos, que são utilizados para validar as descobertas na Ciência, como a elaboração de perguntas e hipóteses que devem ser testadas de forma a comprovar (ou não) teorias.

Além disso, os métodos científicos requerem repetições nos experimentos e reprodução em qualquer lugar, sob as mesmas condições, para obter os mesmos resultados.

A Biologia é uma Ciência que estuda as formas de vida. Seu foco é entender a organização de animais, plantas, fungos, protozoários e demais organismos e suas interações com o meio abiótico.

A biologia pode estudar tanto os níveis mais altos, como ecossistemas e comunidades, até os níveis mais microscópicos, como as células e os genes. Alguns dos mais renomados cientistas que se dedicaram à Biologia foram Charles Darwin, Gregor Mendel e Louis Pasteur.

Campos de estudo da Biologia

Como a Biologia é um campo muito amplo, é possível optar por fazer especializações em diversos níveis da pós-graduação. Dentre esses ramos, podemos citar:

  • Biologia Evolutiva: estudo da evolução dos organismos e de como eles são hoje;
  • Botânica: estudo das plantas e de suas funções;
  • Biotecnologia: estudo da tecnologia a partir dos seres vivos;
  • Zoologia: estudo dos animais;
  • Microbiologia: estudo dos microrganismos;
  • Genética: estudo dos genes e cromossomos;
  • Fisiologia: estudos do funcionamento dos seres vivos;
  • Ecologia: estudo das interações dos seres vivos com o meio abiótico;
  • Bioética: estudo da moral nos experimentos em biologia;
  • Imunologia: estudo do funcionamento do sistema imune;
  • Paleontologia: estudo dos fosseis;
  • Citologia: estudo das células.

Onde atua um biólogo?

O profissional formado em Biologia pode trabalhar em empresas ou órgãos públicos da área da saúde, como hospitais e clínicas. Pode também realizar estudos de impacto ambiental por instituições privadas ou em órgãos públicos, como o IBAMA e o ICMBio.

Além disso, o biólogo pode ser gestor de áreas de conservação, de museus e de zoológicos. Esse profissional ainda pode ser pesquisador em instituições de pesquisa privadas ou públicas, como em universidades, ou atuar na fabricação de alimentos e bebidas, tanto no campo quanto nas fábricas de processamento.

Onde estudar?

Para se graduar em Biologia ou Ciências Biológicas, o estudante deve passar pelo processo seletivo de instituições privadas ou públicas que oferecem o curso. Para fazer a especialização, também há diversas universidades que oferecem áreas específicas da Biologia para serem estudadas.

Curso de Biologia

O curso de Biologia no Brasil tem duração de aproximadamente 4 anos em período integral e de 5 anos em período noturno. Existem ainda as opções de se graduar como bacharel, para seguir na área de pesquisa ou para o mercado de trabalho, ou como licenciado, para ser professor. Algumas universidades oferecem a oportunidade de conseguir os dois diplomas.

Muita gente procura pelo curso pensando que estudará somente disciplinas de Biologia, mas não é assim. O curso conta também com disciplinas da Matemática, como estatística, e da Química e Física. Elas são importantes porque o biólogo precisa entender o funcionamento dos organismos, e estas áreas da Ciência estão interligadas. Além disso, a análise dos dados coletados em campo ou em experimentos precisa ser feita estatisticamente para validar os resultados.

O curso mistura aulas teóricas e práticas, com aulas em laboratório e em campo. A grande maioria dos cursos exige a realização do estágio para que o aluno obtenha o diploma.

Na licenciatura, o currículo possui disciplinas das áreas básicas e aquelas que são relacionadas ao conhecimento pedagógico, como psicologia, didática, metodologia de ensino e pesquisa em educação. O estágio é obrigatório na licenciatura também e deve ser realizado em escolas públicas, de preferência. 

Mercado de trabalho

Dentre as áreas de atuação que o biólogo pode escolher, a Taxonomia é a área que tem menos pessoas pesquisando sobre no Brasil. Esse profissional é especializado em identificar e classificar novos organismos, parte da Biologia Básica.

Como o nosso país é um dos mais biodiversos do mundo, esse profissional é de extrema importância para que possamos mapear nossa diversidade. É estimado que apenas um quinto das espécies já foi registrado até o momento.

Além disso, sem conhecermos nossa espécie, é difícil conseguir protegê-las na crescente extinção em função de fatores antrópicos cada vez mais acelerados.

Referências utilizadas neste conteúdo:

http://www.juventudect.fiocruz.br/categoria-ciencia/

Bruna Manuele Campos

Bacharel e Licenciada em Ciências Biológicas pela USP (2016 e 2018), tem 25 anos e é apaixonada pela natureza e por explorar o mundo. Quando não está se aventurando por aí, gosta de aquietar as pernas com livros e séries.

Conheça Mais Sobre o Autor

Deixe seu Comentário

WebGo Content