Osmose – O que é? Características, Como ocorre e Exercícios Resolvidos

É muito comum, em datas comemorativas, pessoas se presentearem com flores. Você já deve ter visto sua mãe ou vó colocando as flores em um recipiente com água quando as recebem. Isto porque, o caule das flores, quando cortado, permite a passagem de água para o meio mais concentrado, o caule, fazendo com que suas células permanecem túrgidas, viçosas, por mais tempo.

Isto acontece por conta de um fenômeno chamado osmose, um tipo de transporte celular que ocorre nos seres vivos.

Osmose

O que é osmose?

Osmose é o transporte de água entre um meio menos concentrado para o mais concentrado, por meio de uma membrana semipermeável. Ou seja, permite a passagem de certas substâncias, mas não de outras. Em humanos, essa membrana é a membrana plasmática.

Características da osmose

Dentro das células animais e vegetais ocorrem diversos tipos de transporte e cada um possui suas características. No caso da osmose, ela se caracteriza por:

  • Transporte passivo – não há gasto de energia;
  • Ocorre entre meios com diferentes saturações;
  • Atravessa uma membrana semipermeável;
  • Equilíbrio da pressão hidrostática.

Como acontece?

Quando temos uma membrana semipermeável, separando uma solução com maior concentração de soluto (e menos água) de um meio com menos soluto, a água se movimenta para a solução mais concentrada em soluto.

Como não há gasto de energia, a água naturalmente atravessa a membrana celular até que a concentração de soluto dos dois lados esteja igual, atingindo a pressão hidrostática ideal. Assim, é classificada como transporte celular passivo.

Este processo apresenta algumas diferenças entre células animais e vegetais. Mas antes, vamos relembrar a classificação das soluções:

  • Solução isotônica: aquela que apresenta concentração igual da célula;
  • Solução hipertônica: apresenta maior concentração de soluto que a célula;
  • Solução hipotônica: apresenta menor concentração de soluto que a célula.

Células animais: quando a célula está em um meio isotônico, a água é transportada para dentro e para fora da célula, na mesma proporção. Quando em solução hipertônica, a água é expelida para fora da célula, e irá murchar (secar).

Quando em solução hipotônica, a célula receberá grande quantidade de água e a membrana irá se romper, levando à lise celular.

Células vegetais: em meio isotônico, a entrada e saída de água ocorre na mesma proporção. Quando em meio hipertônico, a água é transportada para fora da célula e a membrana plasmática se desprende da parede celular, levando à plasmólise.

Já em solução hipotônica, a célula recebe muita água, mas a parede celular impede o rompimento da célula. Assim, dizemos que ela está túrgida.

Exemplos

No dia a dia, é muito comum observarmos este processo. Quando temperamos uma salada de folhas com sal, por exemplo, notamos que elas murcham se não consumidas rapidamente. A água é expelida de dentro das folhas para fora, onde a concentração de sal é maior. Por isso, o ideal é sempre temperarmos a salada minutos antes de servir.

Osmose

Outro exemplo, é quando colocamos frutas em compotas. Compotas são caldas com grande concentração de açúcar, assim, as frutas liberam água para a calda, aumentando seu tempo de conservação, pois os microrganismos não conseguem proliferar com facilidade neste meio.

Exercícios Resolvidos

1. (UFRGS) Indique a alternativa que preenche corretamente as lacunas do texto, abaixo, na ordem em que aparecem.

A prática de conservar frutas em caldas açucaradas (compotas) e de salgar certos alimentos, como carne bovina (charque) e bacalhau, constitui-se em um eficiente método de conservação de alimentos contra a ação de organismos decompositores, como fungos e bactérias. Em ambos os casos, a adição de um __________ ao alimento produz um meio _______. Assim, quando entram em contato com esse alimento, as células dos organismos decompositores acabam ___________ água por ____________.

a) Soluto – hipotônico – ganhando – transporte ativo.

b) Solvente – hipertônico – ganhando – osmose.

c) Solvente – isotônico – perdendo – difusão.

d) Soluto – hipertônico – perdendo – osmose.

e) Solvente – hipotônico – perdendo – difusão.

Alternativa “d”. Soluto, substância que será dissolvida no meio líquido; hipertônico, com maior concentração de soluto do que a célula; perdendo, pois a água sai do meio menos concentrado para o mais concentrado; osmose, processo de difusão do solvente por meio de uma membrana semipermeável.

2. (PUC-RIO 2008) A salga, um antigo processo de conservação de alimentos, tem como princípio a:

a) Diminuição do metabolismo das células dos alimentos;

b) Diferença da pressão osmótica;

c) Diminuição da temperatura;

d) Diferença no pH do alimento;

e) Diferença no conteúdo de gordura do alimento.

Alternativa “b”. O sal faz com que o meio externo fique mais concentrado em sal. Assim, a água sai da célula devido à diferença na pressão osmótica.


Bruna Manuele Campos

Bruna Manuele Campos

Bacharel e Licenciada em Ciências Biológicas pela USP (2016 e 2018), tem 25 anos e é apaixonada pela natureza e por explorar o mundo. Quando não está se aventurando por aí, gosta de aquietar as pernas com livros e séries.

Conheça Mais Sobre o Autor

Ajude a melhorar ainda mais o site, avalie:

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Leave a Reply