Acento agudo – O que é? Quando é empregado? Regras e Exercícios

O acento agudo ( ´ ) é um dos sinais gráficos utilizados na língua portuguesa. Trata-se de um sinal auxiliar da escrita, colocado em cima das vogais, com o intuito de indiciar alguma particularidade da pronúncia da sílaba em questão.

Apesar de envolver aspectos da Fonética e Fonologia, o estudo do acento agudo e dos demais sinais gráficos é de responsabilidade da ortografia, mais especificamente do estudo das notações léxicas.

acento agudo

Quando o acento agudo é empregado?

O acento agudo é empregado em duas situações:

  1. Para assinalar as vogais tônicas fechadas i e u açaí; baú; física; açúcar; míope; último; líquido; púrpura; níquel; lúgubre;
  2. Para assinalar as vogais tônicas abertas e semiabertas a, e e opá; pé; pó; sofá; café; jiló; amapá; balé; herói; plástico; exército; inó

O que são vogais tônicas fechadas, abertas e semiabertas?

Vogais tônicas são aquelas pronunciadas com mais força que as demais, marcando, assim, a sílaba tônica da palavra. Como no substantivo “fada”: o primeiro a, da primeira sílaba, é pronunciado com muito mais intensidade que o segundo, apesar de graficamente se tratarem da mesma letra. A vogal mais forte é chamada tônica e a mais fraca átona.

Já as demais características (fechadas, abertas e semiabertas) dizem respeito à maneira que o aparelho fonador, responsável pela articulação dos sons, se movimenta durante a pronunciação.

Uma vogal é fechada quando a língua, durante a pronúncia, está o mais próximo possível do palato, sem bloquear o som da mesma maneira que o faz ao se pronunciar uma consoante. É o caso das vogais /i/ e /u/.

Já na pronúncia de uma vogal aberta, a língua está no seu ponto mais baixo, de modo que o ar passa livremente pelo canal bucal, daí o nome aberta. É o caso do /a/ tônico, do /é/ e do /ó/.

Por fim, uma vogal é semifechada quando a língua está, basicamente, um pouco acima da metade do caminho de uma vogal fechada para uma vogal média, aproximando-se mais de uma vogal fechada (daí o nome semifechada). É o caso das vogais /e/ e /o/.

[VEJA TAMBÉM: COMO USAR O ACENTO CIRCUNFLEXO?]

O que mudou no Novo Acordo Ortográfico quanto ao acento agudo?

O Novo Acordo Ortográfico estipulou uma série de novas regras para o emprego do acento agudo. Confira-as abaixo.

  • Fim do acento agudo de paroxítonas com os ditongos abertos ei e oi: Assembléia -> Assembleia | Heróico -> Heroico;
  • Fim do acento agudo na vogal tônica i antes de -nh: Raínha -> Rainha;
  • Fim do acento agudo de paroxítonas com i ou u tônicos depois de ditongos: Boiúna -> Boiuna;
  • Fim do acento agudo como acento diferencial em palavras homógrafas (com a mesma escrita): Pára (verbo) e para (preposição) -> Para (verbo) e para (preposição).

Alexandre Garcia Peres

Alexandre Garcia Peres, formado em Letras pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), gosta de arte, literatura, língua portuguesa, poesia e do seu gato.

Conheça Mais Sobre o Autor

Teste seus conhecimentos sobre Acento agudo – O que é? Quando é empregado? Regras e Exercícios

1) Marque a afirmação que melhor descreve o emprego do acento agudo:

  • a) O acento agudo é empregado em duas situações: nas vogais tônicas fechadas i e u e nas vogais tônicas abertas e semiabertas a, e e o.
  • b) Vogais tônicas são aquelas pronunciadas com menor intensidade. Já aquelas pronunciadas com maior intensidade são chamadas átonas.
  • c) As partes da gramática responsáveis por estudar os vários acentos gráficos da língua portuguesa são a fonética e fonologia.
  • d) Apesar de envolver elementos da fonética e da fonologia, a parte da gramática responsável pelo estudo dos acentos gráficos é a ortoépia.

2) Assinale a alternativa em que todos os vocábulos listados estão corretamente acentuados (de acordo com o Novo Acordo Ortográfico):

  • a) Férias, feiúra, física, fóton, família.
  • b) Invólucro, idéia, ínfimo, idólatra, íngreme.
  • c) Pútrido, príncipe, páreo, paranóia, pindaíba.
  • d) Cágado, crustáceo, córnea, curvilíneo, crédito.

Deixe seu Comentário

WebGo Content