Climas do Nordeste do Brasil – Tipos e Características da vegetação da região

A Região Nordeste é uma das maiores regiões do país, abrangendo cerca de 18% do território nacional. Está dividida entre nove Estados (Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe), e possui o maior litoral dentro do Brasil.

Tipos de Clima da Região Nordeste do Brasil

Por conta de seu tamanho e posição geográfica, a Região Nordeste possui uma grande variação climática, que lhe permite apresentar quatro climas diferentes ao longo de seu território.São eles:

Mapa de Climas Região Nordeste Brasil

 

Equatorial

Esse tipo de clima é predominante na estreita faixa da fronteira do estado do Maranhão com o estado do Pará, que fica na Região Norte. O clima equatorial úmido apresenta temperaturas elevadas, com médias entre 25 e 27 graus, e um índice pluviométrico alto, com grande quantidade de chuva ao longo do ano todo (média anual de 2.000 a 3.000 milímetros), assim como as demais regiçoes que passam próximas a linha do equador. 

Semiárido

O clima semiárido predomina na porção central do Nordeste brasileiro. É encontrado em parte do Estado do Piauí, no Meio Norte e em parte da Zona do Sertão, nos Estados do Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Sergipe e Bahia. Essas regiões sofrem com a irregularidade das chuvas (índice pluviométrico inferior a 700 milímetros anuais, normalmente ocorrendo entre os meses de abril a maio), provocando longos períodos de seca e altas temperaturas. Por conta disso, apresenta altos índices de aridez, próximas de um semi deserto. Cabaceiras, município localizado no Estado da Paraíba, é o município mais seco do país.

Tropical

O clima tropical está presente em grande parte do Maranhão, Piauí, Ceará e Bahia. Apresenta verões quentes e chuvosos, com temperaturas elevadas, e um inverno seco, com poucas chuvas e temperaturas amenas, variando entre 18 e 26 graus. O índice pluviométrico nesta região varia entre 1.000 e 1.750 milímetros.

Tropical Úmido

O clima tropical úmido, também chamado de tropical litorâneo, apresenta verões quentes e úmidos, com temperaturas variando entre 25 e 31 graus. As chuvas são irregulares, tendo maior ocorrência entre os meses de abril a julho, com índice pluviométrico médio anual entre 2.000 e 3.000 milímetros.

O Clima Tropical predomina em toda a Zona da Mata, compreendendo uma faixa de terras ao longo do litoral, estendendo-se desde o Rio Grande do Norte até o sul da Bahia. Esse clima também é encontrado na Zona do Agreste e em parte dos estados do Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco e Alagoas. Por conta dos planaltos elevados e serras encontradas no local, a região a leste do Agreste, mais próxima da Zona da Mata, recebe mais chuvas do que a região oeste, mais próxima do sertão.

Vegetação da Região Nordeste

Por conta da variação climática, a Região Nordeste apresenta também uma ampla variedade na vegetação local, das quais os principais tipos são:

Mapa de Vegetação Região Nordeste Brasil

Mata Atlântica

Originalmente, a mata atlântica estendia-se do Ceará até o Rio Grande do Sul. Em função dos desmatamentos, hoje só restam cerca de 5% da vegetação original, dispersos em pequenas porções encontradas nos estados do Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba e Bahia;

Mata atlântica nordeste

Mata dos Cocais

Essa formação vegetal é uma transição entre os climas semi-árido, equatorial e tropical. Ocorre em parte do Maranhão, do Piauí, do Ceará, do Rio Grande do Norte;

Mata dos Cocais

Cerrado

O tipo de vegetação cerrado ocorre no sul do estado do Maranhão, no sudoeste do Piauí, e no oeste da Bahia, bem como em áreas interioranas das regiões Sul e Centro-Sul do Ceará, Pernambuco e algumas áreas da faixa litorânea que vai do Piauí até o Sergipe.

Cerrado Nordestino

Caatinga

A caatinga é uma formação de vegetais xerófitos (vegetais de regiões secas), típica do sertão. Ocorre em todos os estados nordestinos, com exceção do Maranhão.

Caatinga Nordestina

Vegetações Litorâneas e Matas Ciliares

Essa vegetação litorânea inclui os mangues, restingas e as dunas. As matas ciliares são comuns em regiões de cerrados, mas também podem ser vistas na Zona da Mata. Trata-se de pequenas florestas que acompanham as margens dos rios, funcionando como uma proteção para os rios e mares.

Vegetação ciliar Nordeste

Rafaela Cortes

Jornalista formada pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR) e pós-graduanda em Negócios Digitais. Tem mais de 600 artigos publicados em sites dos mais variados nichos e quatro anos de experiência em marketing digital. Em seus trabalhos, busca usar da informação consciente como um instrumento de impacto positivo na sociedade.

Conheça Mais Sobre o Autor

Teste seus conhecimentos sobre Climas do Nordeste do Brasil – Tipos e Características da vegetação da região

1) Assinale a opção que apresenta climas da região Nordeste do Brasil:

  • a) Semiárido, tropical e subtropical
  • b) Subtropical, tropical e equatorial úmido
  • c) Semiárido, tropical e equatorial úmido
  • d) Semiárido, tropical de altitude e equatorial úmido

2) Sobre os climas e as vegetações existentes na região Nordeste do Brasil, assinale V para as proposições verdadeiras e F para as proposições falsas: I.( ) No nordeste do Brasil, são identificados três tipos de climas: semiárido, tropical e subtropical úmido. II.( ) Em locais da região Nordeste em que há ocorrência de clima tropical, a vegetação encontrada é o Cerrado. III.( ) No extremo oeste da região Nordeste, o clima é equatorial úmido. IV.( ) Nas áreas litorâneas, encontra-se a Caatinga, uma formação vegetal adaptada ao clima semiárido. Assinale a alternativa correta:

  • a) FVFV
  • b) FVFF
  • c) VFFV
  • d) FVVF

3) A vegetação típica do sertão nordestino é composta por:

  • a) cana de açúcar.
  • b) mangues.
  • c) caatinga.
  • d) floresta equatorial.

4) (Puccamp) Considere o trecho do Poema “MORTE E VIDA SEVERINA” de João Cabral de Melo Neto. (..) Somos muitos Severinos iguais em tudo e na sina: a de abrandar estas pedras suando-se muito em cima, a de tentar despertar terra sempre mais extinta, a de querer arrancar algum roçado da cinza (...) A leitura do texto e seus conhecimentos sobre a realidade nordestina permitem afirmar que o autor retratou:

  • a) o Corumba na Zona da Mata, onde o trabalho temporário se reduz cada vez mais em função da mecanização do corte de cana.
  • b) as dificuldades do médio e pequeno produtor da Zona da Mata, cada vez produzindo menos em função da perda de fertilidade do solo
  • c) o pequeno agricultor sertanejo, que sofre com a irregularidade do clima e sobretudo com a falta de terras para o plantio de subsistência
  • d) o pobre agricultor do Meio-Norte que sofre com o avanço do processo de desertificação provocado pelas sucessivas queimadas

5) A região Nordeste do Brasil apresenta 1.554.257,0 quilômetros quadrados, essa área do território brasileiro apresenta grandes diferenças em aspectos como clima, vegetação, economia, entre outros. Nesse contexto, a região é dividida em quatro, processo conhecido como as sub-regiões do Nordeste. Essa divisão é composta por:

  • a) Meio-Norte, Sertão, Zona da Mata, Agreste.
  • b) Caatinga, Zona da Mata, Agreste, Sertão.
  • c) Meio-Norte, Litorânea, Zona da Mata, Agreste.
  • d) Amazônica, Sertão, Agreste, Litorânea.

6) Um dos principais problemas do Nordeste é a seca, que periodicamente afeta as atividades agropecuárias da região, matando animais e plantações inteiras. Apesar de atingir todos os estados dessa região, a seca não atinge todas as sub-regiões nordestinas, estando presente apenas:

  • a) no Meio-norte.
  • b) no Sertão.
  • c) no Agreste.
  • d) na Zona da Mata.

7) Presente em partes das regiões Sudeste e Nordeste, apresenta-se com chuvas concentradas em poucos meses do ano, abrindo uma margem para longos períodos de seca, além de médias de temperaturas em torno dos 26ºC anuais. Tais condições favorecem o predomínio de vegetação xerófila.As condições climáticas acima mencionadas fazem referência:

  • a) ao clima subtropical seco.
  • b) ao ambiente desértico de algumas poucas áreas do país.
  • c) ao semiárido nordestino.
  • d) ao quadro natural da região do Cerrado.

Deixe seu Comentário

WebGo Content