Dromedário – Características físicas, Comportamento, Habitat, Alimentação e Reprodução

O dromedário (Camelus dromedarius), ou camelo-árabe, é um mamífero da espécie do camelo. Ao contrário do camelo-asiático, essa espécie possui apenas uma corcova, que é sua característica mais marcante.

Esse animal foi domesticado há cerca de 3500 anos e é utilizado como meio de transporte e como força de trabalho até hoje. Por curiosidades, algumas culturas dessas regiões julgam a riqueza da pessoa a partir de quantos dromedários ela possui.

Características físicas do dromedário

A característica mais notável do dromedário é a presença de apenas uma corcova. Essa estrutura é capaz de armazenar até 36L de gordura que será utilizada como fonte de água e energia até que o animal encontre alimento e água.

Com a corcova, o dromedário é capaz de viajar por até 160Km no deserto. Além disso, o animal possui um pescoço curvado e o peito estreito.

Os machos são geralmente maiores do que as fêmeas, pesando entre 400 e 600kg, e medindo entre 1,8 e 2 metros de altura.

A cor de sua pelagem é comumente caramelo ou cor de areia, mas há alguns indivíduos que possuem pelagem preta ou branca.

Além da corcova, o dromedário possui outras adaptações que facilitam sua sobrevivência no clima desértico. Suas narinas se fecham para evitar que a areia entre no nariz e sua sobrancelha peluda e seus longos cílios evitam que os grãos de areia entrem em seus olhos. Além disso, o animal possui lábios grossos capazes de colher a vegetação espinhosa da região onde habita sem se machucar. Nos pés, possuem grossas solas para caminhar pela areia quente e áspera.

Comportamento

O dromedário é um animal social, que vive em grupos de 2 a 20 indivíduos, e são mais ativos durante o dia. Nesses grupos, o macho-pai é o individuo dominante.

Em geral, eles apresentam pouca agressividade, com exceção da época reprodutiva. Quando se enfrentam, os machos empurram uns aos outros com o peso do corpo ou apenas com a cabeça e o pescoço.

Como esse animal passa por longos períodos sem comida e sem água, quando encontram uma fonte para se reabastecer, podem ingerir até 30 galões de água em apenas 13 minutos. Um outro comportamento que evita a perda de água é que eles não suam tanto quanto outros mamíferos.

Quando esses animais migram, caminham em fila única.

Habitat

O dromedário é encontrado em regiões desérticas na Índia, no Oriente Médio e no norte da África. Na Austrália, esses animais também estão presentes, mas não são nativos do país. Foram introduzidos alí durante o século XIX.

Alimentação

Esse animal é herbívoro. Sua dieta é composta por plantas espinhosas, gramas e outras vegetações específicas de regiões desérticas. Eles gastam entre 8 e 12 horas por dia pastando e quase o mesmo tempo ruminando.

Reprodução

Durante a época reprodutiva, os machos desafiam uns aos outros fazendo barulho com os narizes e com a boca, e mexem o corpo de uma maneira a ameaçar os oponentes. Quando começam a brigar, o objetivo é levar o oponente ao chão, e para isso mordem as pernas e a cabeça do outro animal.

As fêmeas atingem a maturidade sexual com 3 anos e copulam pela primeira vez por volta dos 5 anos de idade. Os machos só atingem a maturidade sexual aos 6 anos.

O período reprodutivo ocorre durante o inverno, na estação chuvosa. A copulação dura entre 7 e 35 minutos. Já a gestação dura 15 meses e nasce apenas um filhote por vez. Esse novo indivíduo permanece com a mãe até os 2 anos, enquanto é amamentado.

O dromedário pode viver até os 50 anos de idade.

Curiosidades

Corcova

O tamanho da corcova varia em função do estado nutricional do animal. Dessa forma, diminui de tamanho conforme o dromedário passa fome e sede.

Sorvete de leite de dromedário

Recentemente, surgiu na Europa uma novidade gastronômica que está obtendo muito sucesso: o sorvete de dromedário.

O diferencial, como se pode imaginar, é que o sorvete é fabricado a partir do leite dos dromedários, e acredita-se que possui benefícios para a saúde. O leite desse animal tem metade do teor de gordura e três vezes mais vitamina C que o leite de vaca.

O leite para produção dessa iguaria vem da única fazenda de criação de dromedários para leite da Europa, na Holanda.

Bruna Manuele Campos

Bacharel e Licenciada em Ciências Biológicas pela USP (2016 e 2018), tem 25 anos e é apaixonada pela natureza e por explorar o mundo. Quando não está se aventurando por aí, gosta de aquietar as pernas com livros e séries.

Conheça Mais Sobre o Autor

Deixe seu Comentário

WebGo Content