Poluição – O que é? Tipos, Consequências e Exercícios Resolvidos

Desde a Revolução Industrial, há um aumento nos níveis de poluição do planeta. Elas são decorrentes do aumento do consumo, que leva ao aumento da produção de lixo e do descarte de substâncias poluentes no meio ambiente, sem tratamento. Além disso, a exploração de minérios e de petróleo e o uso de agrotóxicos de maneira indevida também corrobora para a poluição do planeta.

A seguir, você encontrará mais informações sobre os principais tipos de poluição ambiental: aquática, dos solos e atmosférica. Só aqui no Gestão Educacional!

O que é poluição?

Poluição

Entende-se por poluição a degradação do meio ambiente, causada por atividades humanas, tornando-o impróprio ou nocivo à saúde do ser humano, que cause prejuízo à biodiversidade e que afete a sociedade e a economia.

Tipos de poluição

Dentre os principais tipos de poluição, podemos citar a poluição aquática, terrestre e atmosférica. Leia mais a respeito de cada uma, a seguir.

Poluição aquática

É caracterizada pela contaminação química, física ou biológica dos corpos d’água, que a torna imprópria para uso por humanos, plantas e animais.

Atividades industriais, esgotos não tratados, descarte de lixo e inúmeras outras atividades humanas levam a este grande problema de saúde pública. Uma das industrias que mais polui não só a água, mas também a atmosfera, é a produção têxtil. Por isso, devemos valorizar e consumir com consciência cada peça de roupa.

O consumo desenfreado, principalmente de produtos derivados de plástico, como os canudos e as sacolas plásticas, é o principal poluente, pois estes produtos acabam sendo despejados no mar e levados para outros locais.

Além disso, por vezes ocorre a contaminação das águas subterrâneas, por vazamentos em postos de combustíveis e também em locais de lavagem de carro, por exemplo. Os lixões, que são destinos impróprios para o descarte de lixo, devido à sua má operação, também ocasionam a contaminação das águas subterrâneas. Além das extrações de minério, que colaboram para o quadro quando expõem o aquífero, bem como o uso de agrotóxicos.

Poluição

Poluição do solo

As poluições aquáticas e dos solos estão intimamente ligadas, pois o descarte de substância indevidas no solo acaba contaminando também os lençóis freáticos e as outras fontes de água.

Tanto que o principal responsável pela poluição dos solos é o uso de agrotóxicos, que, pela cadeia alimentar, acaba contaminando plantas e animais.

Outros fatores responsáveis são os aterros, que produzem o chorume, líquido decorrente da decomposição do lixo; o descarte indevido de lixo tóxico, que é aterrado como lixo comum; lixo radiativo, produzido por usinas nucleares e que, muitas vezes, também não é destinado corretamente.

Poluição atmosférica

A partir da Revolução Industrial, o nível de poluição tem aumentado desenfreadamente, principalmente a poluição atmosférica em decorrência da emissão de CO2.

Tal fato é decorrente dos níveis de substâncias poluentes ou possivelmente poluentes, da extensão da dispersão destes poluentes e dos mecanismos que os removem.

Estas substâncias são classificadas em poluentes primários, aqueles que são emitidos pelas fontes emissoras, e poluentes secundários, os que são formados em decorrência da reação química com os componentes naturais da atmosfera.

Os principais poluentes atmosféricos são o monóxido de carbono (CO), o ozônio (O3) e o dióxido de enxofre (SO2), juntamente com materiais particulados e óxidos de nitrogênio (NOx).

Poluição

Consequências da poluição

As consequências para a sociedade e para o ecossistema são inúmeras. Em 2019, um relatório da ONU, chamado Global Environment Outlook (GEO), notificou que um quarto das mortes prematuras e de doenças proliferadas atualmente são causadas por decorrência da poluição.

A poluição da água, além de deixá-la imprópria para o consumo, ainda favorece doenças como a cólera, hepatite, poliomielite e diarreia, causadas por vírus, bactérias e parasitas que só podem ser vistos ao microscópio.

A contaminação do ar acaba levando a fenômenos como a chuva ácida, que destrói o ambiente, levando à baixa produtividade ou à morte de espécies, o que causa danos até mesmo em construções, por conta da corrosão de monumentos, por exemplo.

Além disso, o aumento nos níveis de CO2 e outros gases é responsável pelas mudanças climáticas, afetando a camada de ozônio e aumentando a temperatura média da terra.

Agora que você já sabe um pouco mais a respeito de poluição, que tal testar os seus conhecimentos nos exercícios que preparamos para você? Basta rolar até o final da página e se divertir! Ah, e não deixe de compartilhar com os seus amigos, desafiando eles também.

Bruna Manuele Campos

Bacharel e Licenciada em Ciências Biológicas pela USP (2016 e 2018), tem 25 anos e é apaixonada pela natureza e por explorar o mundo. Quando não está se aventurando por aí, gosta de aquietar as pernas com livros e séries.

Conheça Mais Sobre o Autor

Teste seus conhecimentos sobre Poluição – O que é? Tipos, Consequências e Exercícios Resolvidos

1) (Adaptado PUC- RJ-2007) Nos últimos anos, observa-se um aumento crescente do percentual de CO2na atmosfera. Entre outros efeitos, o excesso de CO2pode contribuir para:

  • a) resfriamento global.
  • b) diminuição da fotossíntese.
  • c) aumento da camada de ozônio.
  • d) aquecimento global.

Deixe seu Comentário

WebGo Content