Primeira Lei de Mendel – O experimento, Características, Premissas e Exercícios

A genética tem evoluído muito nos últimos tempos, graças ao avanço da tecnologia. No entanto, grandes descobertas foram feitas há muito tempo por pessoas que não eram exatamente cientistas. Uma das maiores descobertas da genética foi feita por um monge chamado Gregor Mendel.

Mendel é conhecido atualmente como pai da genética. Seu maior feito foi a descoberta da unidade funcional básica da hereditariedade, o gene, que até então era chamado de fator.

Esse conceito foi apresentado por ele pela primeira vez em 1865, a partir dos seus experimentos com ervilhas. Seus resultados permitiram a proposição de uma teoria sobre a herança particulada. No entanto, foi apenas em 1900, após sua morte, que seu trabalho foi reconhecido.

O experimento de Mendel

Como as ervilhas utilizadas por Mendel eram fáceis de cultivar, com um ciclo de vida curto e que produziam muitas sementes, elas se mostraram o modelo ideal para sua pesquisa. Além disso, em cada experimento, Mendel observava uma determinada característica. Dentre elas, ele analisou o comportamento das cores (verde ou amarela), a casca (lisa ou rugosa), a altura (alta ou baixa), a cor da flor (branca ou roxa), a posição da flor (terminal ou axial), a cor da vagem (verde ou amarela) e o formato da vagem (inflada ou comprida).

Para o trabalho final e mais importante, Mendel selecionou ervilhas de linhagem pura, ou seja, que eram AA ou aa para as características que ele estava interessado. Quando obteve as linhagens puras (P1), cruza plantas puras verdes com plantas puras amarelas e observava a coloração da geração de descendentes (F1). Em seguida, ele cruza essa geração entre si, e observava a coloração das plantas mais novas.

Mendel notou que na primeira geração (F1) haviam somente ervilhas amarelas, e que na segunda geração (F2) havia apenas uma planta verde (ou seja, na proporção 3:1). Assim, o estudioso concluiu que a cor amarela era dominante sobre a cor verde. Foi desse experimento que surgiu a Primeira Lei de Mendel.

Características da Primeira Lei de Mendel

Além da dominância de certas características sobre as outras, Mendel obteve outras conclusões desses experimentos:

  • Cada característica do indivíduo é proveniente de um par de genes;
  • As características dos seres são hereditárias, provenientes dos pais;
  • As características hereditárias são provenientes dos genes (ou dos fatores, como Mendel os chama);
  • Os descendentes herdam um gene paternal e um gene maternal para compor cada traço.

Definição da Lei

Assim, o enunciado da primeira lei de Mendel é “Cada característica é determinada por dois fatores que se separam na formação dos gametas, onde ocorrem em dose simples”.

Premissas básicas da Primeira Lei de Mendel

Para que as características segreguem como descrito por Mendel, algumas premissas devem ser cumpridas, sendo elas:

  1. Os genes devem ser estáveis, ou seja, com raros casos de mutação;
  2. Os indivíduos de estudo devem estar sobre as mesmas condições ambientais, pois o fenótipo é uma combinação entre as características genéticas e o ambiente;
  3. A meiose deve ser normal para que a proporção de gametas seja igual;
  4. Não deve haver alteração na frequência de gametas;
  5. Não deve haver alteração das frequências de zigotos, ou seja, os zigotos recessivos (aa) devem ser viáveis;
  6. Não deve haver fertilização preferencial.

Bruna Manuele Campos

Bacharel e Licenciada em Ciências Biológicas pela USP (2016 e 2018), tem 25 anos e é apaixonada pela natureza e por explorar o mundo. Quando não está se aventurando por aí, gosta de aquietar as pernas com livros e séries.

Conheça Mais Sobre o Autor

Teste seus conhecimentos sobre Primeira Lei de Mendel – O experimento, Características, Premissas e Exercícios

1) (Adaptado Unifor-CE) Um estudante, ao iniciar o curso de Genética, anotou o seguinte:

I. Cada caráter hereditário é determinado por um par de fatores e, como estes se separam na formação dos gametas, cada gameta recebe apenas um fator do par.
II. Cada par de alelos presentes nas células diploides separa-se na meiose, de modo que cada célula haploide só recebe um alelo do par.
III. Antes da divisão celular se iniciar, cada molécula de DNA se duplica e, na mitose, as duas moléculas resultantes se separam, indo para células diferentes.

A primeira lei de Mendel está expressa em:

  • a) I, somente.
  • b) II, somente.
  • c) I e II, somente.
  • d) II e III, somente.

2) (Adaptado FUC-MT) Cruzando-se ervilhas verdes vv com ervilhas amarelas Vv, os descendentes serão:

  • a) 100% vv, verdes.
  • b) 100% VV, amarelas.
  • c) 25% Vv, amarelas; 50% vv, verdes; 25% VV, amarelas.
  • d) 50% Vv, amarelas; 50% vv, verdes.

Deixe seu Comentário

WebGo Content